Pedagogia Racionalista

Autor: Arnould Clausse
Páginas: 160
ISBN: 972-073-267-2


7,00 

Em stock

Categoria:

Descrição

Educar é, primeiro que tudo, alimentar. É possível falar aqui, segundo as nossas preferências, da tradição do indivíduo; é possível falar da necessidade de “enraizar” a criança, como é necessário que uma planta esteja bem enraizada para ser vigorosa; é também possível falar, se assim preferirmos, de hábitos a criar, de um legado cultural a salvaguardar. Fórmulas diferentes, para exprimir a mesma obrigação de dar à criança informações e reflexos necessários, o conhecimento nítido e claro do “meio” em que se desenvolve, quer dizer, a consciência de uma dependência e os meios de a aproveitar.
É na linha dessa ideia que se torna necessário falar da importância da adaptação (precedendo a adaptabilidade, mas não comprometendo a sua realização), de um certo conformismo prévio, de um chão ou de um trampolim a servirem como pontos de apoio, como para o corredor e o saltador. De facto, e este é o segundo aspeto, educar é também, e hoje mais do que nunca, sair de. Convém pois desenvolver as possibilidades, as capacidades de ir “além” do que somos, de ultrapassar o presente e de se ultrapassar a si próprio, de se comprometer resolutamente com o futuro, mesmo provocá-lo e dirigi-lo. Adaptabilidade, espírito crítico, participação ativa do indivíduo no seu próprio destino, abertura para o futuro, contribuição pessoal para um vasto movimento irreversível.